Somos iguais, e agora?

Somos iguais, e agora?
03.08.2017 Arianna Ortolani
identificação

Os opostos se atraem, mas nem sempre é assim!

Às vezes, conhecemos alguém e com o passar do tempo o que faz com que surja uma relação não são as diferenças, mas sim os pontos em comum. No começo isso é ótimo: identificação gera empatia, as conversas são longas porque vocês gostam das mesmas coisas. É então que você pensa: somos iguais!

E nesse momento, um relacionamento nasce e com o passar de algum tempo, por mais ambíguo que isso pareça, as diferenças começam a surgir pelo mesmo motivo que os uniu: vocês são iguais! Pensar e agir parecido nem sempre é algo bom quando aquela paixão vira um relacionamento sério, pois junto com isso vem a verdade de que vocês também têm os mesmos defeitos!

Será que se você foi em busca de alguém igual a você não é porque está achando que só a sua verdade vale e que só as coisas do seu jeito darão certo? Será que você não virou as costas para o diferente? Talvez a sua idealização do seu par perfeito, tenha sido procurar alguém tão parecido com você, que tenha encontrado. Ou simplesmente aconteceu!

A identificação gera laços

identificação

A identificação cria laços, mas a convivência requer atenção para as suas atitudes e para as ações do outro.  É preciso se doar para enxergar além do que está sendo falado. Compreensão e diálogo formam uma importante combinação para saber levar o dia a dia de uma relação. E, o grande ponto positivo é que se vocês pensam da mesma forma, então saberão como conduzir as situações se exercitarem a tolerância e a transparência. Isso será crucial para que vocês se entendam e saibam ceder para juntos construírem um relacionamento baseado em amor e respeito.

Muitas vezes quando passa o encanto dos primeiros encontros as pessoas passam a encarar os desafios da convivência e do que é novo. E o que é novo? A relação de vocês, portanto é preciso retomar sempre ao ponto inicial e pensar o que você gostou tanto naquele momento e renovar esse encantamento no cotidiano. Por mais parecidos que vocês tenham achado que eram, as pessoas têm valores e hábitos que aparecem nesse começo de relacionamento. E então você perceberá que nem tudo é tão igual em vocês e isso é um grande ponto positivo, pois te fará pensar diferente e refletir para entender o outo. Nesse processo, todo mundo muda! E mudanças são sempre muito boas, pois indicam amadurecimento e crescimento pessoal.

Equilíbrio é essencial

A verdade é que não há regras para dizer que pessoas parecidas não podem levar um relacionamento adiante, mas será um exercício de aprendizado para ambos.  Uma relação assim requer dedicação e paciência para que encontrem um equilíbrio para os defeitos que vocês também têm em comum sejam aceitos pelos dois e que vocês superem isso. Digo isso porque quando você está com alguém diferente de você, tudo acaba sendo mais fácil de ser balanceado.

Tudo isso não quer dizer que esse seja um relacionamento sem futuro, mas sim uma grande chance de evolução e autoconhecimento, já que para entender um ao outro será necessário entender a si mesmo. E não deveríamos, mas somos mais capazes de nos compreender quando nos enxergamos em alguém que age e pensa parecido com a gente do que simplesmente refletindo sobre as nossas atitudes.

Um relacionamento saudável tem esse poder, proporciona o desenvolvimento mútuo da compreensão, da resiliência e isso faz com que surjam duas novas pessoas, que entraram nessa relação de uma forma e que crescerão juntas para superar os desafios da convivência. Isso é a construção de um relacionamento sólido, em que a chave para tudo é a flexibilidade, a vontade de estar junto e reciprocidade. Será essa vontade que fará com que vocês aprendam juntos a entender que mesmo quem parece igual, na verdade, é diferente! E que, juntos, vocês serão diferentes e melhores.  Ninguém veio ao mundo para agir sempre da mesma forma e pensar do mesmo jeito! E é nessa jornada em que você encontrará o seu par perfeito, pois vocês farão essa caminhada juntos, de uma forma leve, divertida e, o principal, com muito amor.

*O GIF usado nesse artigo foi tirado do site Giphy.

Arianna Ortolani
Parte da equipe de assessoria de imprensa do Match Group LatAm. Na Sing Comunicação. É apaixonada pelo que faz, já que adora tecnologia e pessoas! Ama ouvir boas histórias e conhecer melhor as pessoas as quais essa história pertence! É capricorniana e viagens, séries, filmes, livros e música estão entre seus hobbies preferidos.

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*