Onde está a sua metade da laranja?

Onde está a sua metade da laranja?
26.12.2017 Janine Costa Ribeiro
metade da laranja

Sem esse papo de “todo mundo precisa encontrar a sua metade da laranja”, precisamos ser inteiros para poder desfrutar de outro alguém por inteiro.

Mas como isso faz sentido? É simples. Uma pessoa que não é capaz de se amar primeiramente, jamais conseguirá amar um outro alguém de maneira sadia. Note que, por mais que haja amor pela outra pessoa, uma hora ou outra a situação começa a se tornar tóxica justamente por você não ter se amado e se colocado em primeiro lugar.

Quando falo de se colocar em primeiro lugar, não se trata de se tornar uma pessoa egoísta, mas sim de cuidar de si mesma para ser capaz de cuidar de outro alguém. Do mesmo vale com o tanto que lhe for amar. Pare e pense um pouco, como é que você poderá esperar que alguém te ame, se nem mesmo você for capaz de fazer isso primeiro?

metade da laranja

Créditos: Giphy e Jessie J (cantora).

Reconheça-se como a pessoa maravilhosa que é,

não existe no mundo esse ser humano feito somente de erros, estamos todos em uma constante e infinita fase de aprendizado, e o que importa é sempre buscar melhorar. Se olhe no espelho e diga bem alto que você merece ser amada (o) e não aceite menos que isso.

Respeite seu tempo,

está tudo bem se não for a hora ainda, cada pessoa vive numa frequência diferente, e no momento certo essas frequências se cruzam. Lembre-se sempre que “o que tiver que ser seu, uma hora será” não precisa se descabelar enquanto sua laranja inteira não chega.

Tudo bem se você for um limão,

até porque, quem foi que disse que temos que encontrar alguém? Muitas vezes buscamos tanto alguém para amar, que esquecemos de todos os outros amores que estão a nossa volta e que nos preenchem tanto ou mais quanto um (a) namorado (a). Há amor em nossa família, há amor com nossos amigos, há amor até mesmo pelo trabalho que a gente faz, e porque não, não haveria de ter amor com nós mesmos?

Nem toda solidão remete à tristeza, mais vale estar sozinha (o) e de bem consigo mesma (o), saudável e em paz com seu interior, do que acompanhado de quem nos tire o riso, nos traga aflições e preocupações desnecessárias.

metade da laranja

Legenda: Eu me amo / Créditos: Giphy

Não estar curtindo uma vida a dois não é o fim do mundo, enquanto a pessoa certa não vem, abra os olhos e enxergue as enormes possibilidades que a vida te dá.

Saia com seus amigos,

afinal não há ninguém no mundo que te conheça tão bem como eles, e com certeza serão eles que estarão do seu lado para o que der e vier;

Viaje, seja dentro de si ou para outros lugares,

não há nada de mais revigorante do que estar em um local novo e com pessoas novas;

Encontre um novo prazer,

se descubra todos os dias, renove seus gostos, descubra novas coisas que possam preencher você e passar seu tempo.

Já dizia o psiquiatra e escritor Augusto Cury: “Amar não é crime, mas amar outra pessoa sem antes se amar, é.” Dedicando-se a cuidar do seu interior, você vai perceber que nada mais importa e que quando atingir o ápice entre o seu equilíbrio e suas necessidades emocionais, você finalmente perceberá o que é se amar, e só então estará pronta para amar alguém.

Janine Costa Ribeiro
Baiana intrínseca, desde 1995 convencida de que não vivo na época certa. Radfem, colunista no Superela, escritora de delírios e amante de cachorros, uso a língua dos memes na vida real que é pra tirar o peso do dia a dia. Acredito em karma e astrologia e volta e meia perco meu tempo fazendo testes do Buzfeed.

0 Comentários

Deixar uma resposta